pele oleosa – a rotina ideal para esse tipo de pele

Se você sofre com a pele oleosa, provavelmente está em busca de informações e produtos que ajudam nos cuidados com esse tipo de pele né?! Por isso, resolvi montar uma rotina ideal para quem tem pele oleosa de acordo com as recomendações de especialistas…

pele oleosa

 

A pele oleosa além de produzir óleo excessivamente ao longo do dia, ela também apresenta características bem peculiares. Separei algumas delas abaixo para ajudar você a identificar se a sua é mesmo oleosa, ou se é somente um distúrbio passageiro.

Quem tem a produção de sebo (gordura) desregulada, provavelmente irá apresentar poros dilatados, cravos, espinhas, e brilho na zona T (testa, nariz e queixo) como consequência da alteração do ph do rosto. Esses sintomas tendem a intensificar no período da adolescência, assim como durante a gravidez, já que está ligada aos nossos hormônios, sendo considerado portanto, normal.

Porém, se você não se encontra em nenhum dos dois tipos de caso acima, é melhor você continuar lendo o post porque a sua pele pode ser do tipo oleosa.

A pele oleosa tem diferentes origens, a mais comum delas foi a que citei mais acima (puberdade e gravidez), mas outras influências como má alimentação, lavar o rosto muitas vezes no dia, usar produtos com muito óleo na composição, e até mesmo a água quente do banho podem aumentar a presença do óleo no rosto, e assim desencadear a pele oleosa.

Por isso, além da parte estética, cuidar do rosto, colo e costas é essencial para manter o equilibrio de sebo na pele. A rotina de cuidados ideal você encontra a partir de agora aqui na Belezza da Mulher.

Se você tem tendência a oleosidade, primeiramente é entender que rotina diurno (na parte da manhã) é uma das mais importantes, já que é quando a pele apresenta o seu auge de oleosidade. Por isso, a ordem de tratamento é um pouco mais complexa…

Comece sempre higienizando com um sabonete específico para a pele oleosa. A grande parte deles possui o ácido salicílico na composição, um ácido que ajuda a controlar a produção de óleo ao longo do dia…

Feito a lavagem, é hora de usar um adstringente, para tonificar e fechar os poros. É muito importante que você compre esse tipo de produto ao invés de um tônico, já que ele é específico para a pele oleosa.

👉 cliquei aqui para ver a diferença entre o tônico e o adstringente

O próximo passo é facultativo, já que depende da textura da pele. Se houver muitas espinhas inflamadas (amarelas) pode ser usado um gel secativo em cima dela para que o desaparecimento seja mais rápido.

Em seguida, faça o uso de um creme hidratante ou de um sérum para devolver a hidratação para a pele. A grande maioria das pessoas que não estão muito acostumadas com uma skincare, é achar que esse tipo de pele não precisa de hidratação… a verdade, é que muitas vezes, ela pode ser oleosa pela falta dela.

O que acontece nesses casos são os famosos efeitos rebotes. Por estar seca, “desidratada” o  organismo começa a entender que precisa suprir essa falta e assim potencializa a oleosidade… Não deixe, jamais, de hidratar a sua.

👉 Veja a diferença entre sérum e creme clicando aqui

Depois, para finalizar, use o filtro solar para evitar que a pele envelheça com os raios solares, e também para evitar que ela fique marcada e manchada das espinhas.

Se a rotina for a noite, vale a pena usar algum ácido, porém é necessário a prescrição de um dermatologista para que o uso não machuque a pele.

Algumas dicas, como escolher sempre um cosmético de composição oil free (livre de óleo), evitar lavar o rosto com sabonete corporal, e esfoliar sempre o rosto também ajuda a diminuir a oleosidade da pele oleosa.

Se você gosta de uma rotina mais natural, ainda é possível inclui a mascara de argila verde no dia a dia.

👉 Veja mais sobre a Argiloterapia aqui. 

E não se esqueça que você pode hidratar a sua pele oleosa e melhorar o aspecto de firmeza dela através de um suplemento que estimule a produção de colágeno na pele…

Agora que você já sabe como cuidar da pele oleosa, não deixe de compartilhar o post com alguma amiga também.

Com amor,

Vi Lombardi (@vi.lombardi)